Mais Médicos: Somente metade se apresentou a vagas oferecidas

Facebooktwitter

Foto: Ministério da Saúde

10/12/2018

 

 

Vinte dias após abertura do novo edital, apenas 4.508 médicos se apresentam para as 8.500 vagas oferecidas

 

 

Por Redação*

Passados 20 dias da abertura do novo edital de convocação para o Mais Médicos, para preencher as mais de 8 mil vagas deixadas pelos médicos cubanos que deixaram o programa, o Ministério da Saúde divulgou que pouco mais da metade dos profissionais se apresentou nos municípios escolhidos.

No balanço da pasta, até 11h desta segunda-feira (10), 4.508 médicos brasileiros formados no País “haviam se apresentado”. Pasta não declara se a apresentação inclui escolha de vaga.

Os profissionais têm até esta sexta-feira (14/12) para apresentação nas cidades selecionadas e o começo da atuação deve ser estabelecido junto ao gestor local.

Brasileiros e estrangeiros formados no exterior (sem registro no Brasil), têm entre os dias 11 e 14 de dezembro para entrar no sistema e ficarem aptos para validação da inscrição no Programa.

Esperando médicos

Segundo o ministério, o programa recebeu 36.490 inscrições para as 8.517 vagas disponibilizadas pelo Edital vigente. Os profissionais têm até o dia 14/12 para apresentação nos municípios.

Até a semana passada, cerca de 200 profissionais que deveriam ser encaminhados para municípios brasileiros comunicaram que não assumirão os postos que selecionaram no edital de convocação. Mais de 29 localidades do País seguem sem profissionais médicos interessados.

Governo informou nesta segunda-feira (10) que divulgará balanço no próximo dia 17 de dezembro.

Nos dias 18 e 19, profissionais com registro no país terão nova oportunidade para se inscrever no programa e escolher os municípios disponíveis.

Entre os dias 20 e 22, médicos brasileiros formados no exterior e sem registro no país que tenham a inscrição previamente validada poderão escolher os municípios remanescentes.

Por fim, nos dias 26 e 28 estará aberta a chamada de estrangeiros formados no exterior e sem registro no país, que tenham a inscrição previamente validada, para escolha de vagas remanescentes

Confira o Edital do Mais Médicos

Programa federal

Criado em 2013, o Programa Mais Médicos qualificou a assistência na Atenção Básica ao fixar médicos nas regiões mais carentes e remotas do País. O programa conta com 18.240 vagas em mais de 4 mil municípios e 34 DSEIs, levando assistência para cerca de 63 milhões de brasileiros.

O profissional do Mais Médicos recebe bolsa-formação, hoje no valor de R$ 11,8 mil, ajuda de custo inicial entre R$ 10 e R$ 35 mil por mês, para deslocamento ao município de atuação. Moradia e alimentação são custeadas pelas prefeituras.

 

* Com informações do Ministério da Saúde

Facebooktwitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

São bem-vindas declarações que se proponham ao diálogo, defendam posições, que exponham ideias, dúvidas, sugestões e críticas. Não serão aceitos comentários sexistas, xenófobas, racistas, homofóbicas ou que contrariem princípios dos direitos humanos. A moderação também irá filtrar a comentários que incorram em crimes de ódio, incitação à violência e calúnia. Textos com propaganda comercial serão excluídos.