Médicos Populares lançam nota de solidariedade após morte de Marisa Letícia

Facebooktwitter

Diversas entidades, políticos e personalidades manifestaram seu pesar pelo falecimento de Marisa Letícia e apoio à família

02/02/2017

O anúncio da morte de Marisa Letícia, conhecida como “Dona Marisa”, gerou diversas manifestações de solidariedade à família de Luiz Inácio Lula da Silva. O falecimento foi anunciado na manhã desta quinta-feira (2).

A Rede Nacional de Médicas e Médicos Populares lançou nota manifestando seu pesar.

Leia na íntegra abaixo.

A Rede Nacional de Médicas e Médicos Populares vem a público manifestar seu pesar pelo falecimento neste dia da ex-Primeira Dama Marisa Letícia e manifesta sua solidariedade à família Lula da Silva.

A companheira Marisa emprestou sua força e disposição à construção de um Brasil mais justo e inclusivo, ajudando a erguer no país a dignidade da maioria do seu povo, dirimindo a miséria e tirando o Brasil do mapa da fome.

É com tristeza que vivenciamos esta atmosfera patológica na sociedade brasileira, na qual presenciamos manifestações facistas mesmo em momentos de dor como estes.

A empatia e a solidariedade são princípios que nunca faltarão aos médicos e médicas comprometidos com o Povo.

Louvamos ainda a altivez e sensibilidade da família por optarem conceder os órgãos à captação e transplante, atividade exercida pelo nosso Sistema Único de Saúde de forma exímia, e que certamente salvará vidas.

O momento nos requer proximidade e irrestrito respeito à dignidade da vida humana. Assim, em Marisa, teremos mais uma lutadora que, deixando a concretude material da história, ganha as páginas inesquecíveis da memória e do exemplo.

Rede Nacional de Médicas e Médicos Populares

São Paulo, 02 de fevereiro de 2017.

MARIA-LETICIA-REDE

Facebooktwitter

2 comentários sobre “Médicos Populares lançam nota de solidariedade após morte de Marisa Letícia

  1. Bela homenagem para Marisa Leticia que muito ajudou na redemocratizaçao do pais. Os brasileiros e brasileiras sao gratos por toda sua dedicaçao na luta por justiça social. Thais Helena Lippel- Medica em SC.

  2. Médicos e medicas populares
    Um alento para o resgate da ética e da defesa incondicional da vida por nossa categoria – simples – apenas cumprir o juramento que fazemos por ocasião de nossas formaturas.
    Maria do Carmo
    Médica do SUS em BH

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

São bem-vindas declarações que se proponham ao diálogo, defendam posições, que exponham ideias, dúvidas, sugestões e críticas. Não serão aceitos comentários sexistas, xenófobas, racistas, homofóbicas ou que contrariem princípios dos direitos humanos. A moderação também irá filtrar a comentários que incorram em crimes de ódio, incitação à violência e calúnia. Textos com propaganda comercial serão excluídos.